ANTENA PARANÓICA

lemos e descolamos o que há de melhor na rede

CIÊNCIA

Benefícios médicos
(já comprovados)
da “erva maldita”


Tudo na vida tem seu lado bom e seu lado negativo. Como qualquer coisa que é criada e vai depender do uso que se fizer para se obter os resultados necessários. A maconha é um exemplo. Aos poucos, ela parece estar retomando seu ancestral carater medicinal; mas além da polêmica existem benefícios comprovados de que a planta ajuda a saude humana.

Maconha parece estar voltando ao seu caráter ancestral medicinal, além da polêmica, há benefícios comprovados que esta planta traz para a saúde humana
Autor: PijamaSurf

Em tempos recentes, a maconha, depois de décadas de ser demonizada e criminalizada, parece estar a voltar à sua antiga personagem como uma planta medicinal que pode trazer benefícios significativos para a saúde humana eo combate de diversas doenças.

Esta nova tendência ou renascimento de maconha além de sua natureza exclusiva de “drogas do mal” foi formada graças aos Estados Unidos, onde tornou-se popular e legal em muitos estados o uso desta planta para fins medicinais. À medida teve sucesso e aclamação entre os pacientes.

A Califórnia é um estado onde mais se recorre ao uso de maconha medicinal e importância econômica e política têm sido feitas de que o item seja colocado sobre a mesa para discussão, não só nacionalmente, mas também em outras nações. O estado da Califórnia terá a oportunidade de votar a legalização da maconha em novembro e até agora as pesquisas mostram uma preferência para as pessoas a fazê-lo.

‘Surf in Pyjamas’ decidiu apresentar uma lista de dez benefícios dessa planta medicinal, que já estão estabelecidos, a fim de promover este novo olhar em relação à maconha.

1) Combate à enxaqueca

Médicos na Califórnia relataram o sucesso do tratamento da enxaqueca com 300.000 casos da maconha medicinal. Esta contribuição é relevante se considerarmos que 25% das mulheres e 8% dos homens que declararam esta condição em pelo menos um ponto em suas vidas. (Fonte: http://www.relieve-enxaqueca headache.com)
(Fonte: Coed)

2) Para retardar o crescimento de tumores

A Associação Americana para Pesquisa do Câncer confirmou que a maconha reduz significativamente o crescimento do tumor no pulmão, mama e cérebro. (Fontes: http://www.seer.cancer.gov / http://www.cancer.emedtv.com)

3) alivia os sintomas das doenças crônicas

Estudos mostram que maconha ajuda a qualificar os sintomas de doenças crônicas, como doença de entranhas e Crohn porque alivia náuseas, diarréia, dor abdominal e característicos dessas doenças.

4) Ajuda a prevenir Alzheimer

Um relatório do Instituto Scripps descobriu que o THC, a substância principal ativo da planta, ajuda a bloquear os depósitos no cérebro humano, onde a doença se origina. Estima-se que nos Estados Unidos existam 5,3 milhões de pessoas com Alzheimer. (Fonte: http://www.alz.org)

5 Glaucoma

Estudos revelam que a maconha reduz a pressão intra-ocular que favorece o tratamento do glaucoma. (Www.glaucoma.org)

6) Evita crises

O efeito relaxante da planta sobre o músculo e seus efeitos antipasmódicos, reduz as chances de ter convulsões. (Fonte: http://www.nimh.nin.org)

7) Apoio ao tratamento dos transtornos e de déficit de atenção

Ao contrário das drogas tradicionais, como o Ritalina, cuja utilização provoca vários efeitos colaterais, a maconha tem se mostrado eficaz no tratamento de tais casos, sem custos de garantia da medicina industrial. (Fonte AskMen)

8 Pode ajudar a tratar a esclerose múltipla

Maconha ajuda a reduzir alguns dos efeitos neurológicos e espasmos musculares causados por esta condição e que protege os nervos. (Fonte: esclerosis.emedtv.com-www.multiple)

9) Reduz o desconforto da síndrome pré-menstrual

Esta planta tem se mostrado altamente eficaz na redução da dor e desconforto físico causado pela síndrome pré-menstrual entre as mulheres. (Fonte: http://www.cannabismd.net)

10 Ajuda no combate à desordem compulsiva / obsessiva

Como um relaxante muscular e sedativo, maconha esclarece significativamente a ansiedade que provoca, ainda o comportamento obsessivo-compulsivo e tendências. (Fonte: http://www.understanding_ocd.tripod.com)

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: