ANTENA PARANÓICA

lemos e descolamos o que há de melhor na rede

CURIOSIDADE

Um livro sem pontuação

Você já imaginou um livro com mais de 8 mil palavras sem nenhum sinal de pontuação? Pois ele existe, segundo leio no blog do Javier Sanz. É de autoria de Timothy Dexter (1748 – 1806), um excêntrico homem de negócios dos EUA que teve a chance de se casar com uma viúva rica e ganhar dinheiro com ‘brilhantes’ idéias.

Durante uma greve de mineiros, ele enviou carvão a Newcastle (principal produtor de carvão ingles) o que provocou uma alta de preços pela escassez de oferta, além de outros negócios.

Seus feitos o levaram a escrever um livro autobiográfico no qual criticava a política, o clero e as mulheres. “A Pickle for the Knowing Ones or Plain Truth in a Homespun Dress” (algo como ‘Um pepino dos que sabem ou a verdade vestida para estar em casa), contava 8.847 palavras e 33.864 letras, mas carecia de qualquer sinal de pontuação.

Inicialmente, Dexter distribuiu como lembrança, mas ganhou popularidade rapidamente e foram feitas até oito edições da obra.

Anúncios

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: