ANTENA PARANÓICA

lemos e descolamos o que há de melhor na rede

Arquivo para a categoria “imprensa”

O terror ns capas das revistas semanais


778_capa

istoeterror1

capa380vejaveja

Anúncios

CAPA DE JORNAIS MENSAIS: O DEBATE DE MINAS


Acesse-o AQUI

JORNAIS TRANSF0RMADOS EM COMBUSTÍVEL DE CARROS



Cientistas da Universidade de Tulane (EUA) desenvolveram um método para transformar jornais velhos em butanol em uma maneira econômica.

O butanol obtido pode ser usado como biocombustível para substituir a gasolina, sem modificar o motor dos carros.

Para alcançar este processo eles utilizam uma bactéria chamada TU-103, que é encontrada nas fezes de animais.

Onovo processo é mais barato do que a alternativa com base na fermentação natural que exige menos energia. Também ao contrário de outras formas de produção de biocombustíveis, que não compete com a produção de alimentos.

Atualmente a equipe de pesquisadores está desenvolvendo um processo semelhante para todos os tipos de usina de reciclagem de resíduos.

BLOGS SÃO MAIS ATUALIZADOS QUE A GRANDE MÍDIA



Para provar que um blog pode ser tão (ou mais) eficiente que um impresso, veja o exemplo desse fato registrado aqui mesmo pelo ANTENA PARANÓICA e que só hoje é citado pelo Jornal do Brasil.

RÁDIO deixa vazar obtiuário de José Sarney



Está no Globo: “Uma gravação de 21 minutos, feita pela Rádio Senado, vazou nesta segunda-feira e o jornal “O Estado de S. Paulo” teve acesso ao obituário já preparado para o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Aos 81 anos, Sarney acaba de assumir o comando da Casa pela quarta vez.

Intitulado “Reportagem especial em homenagem ao senador José Sarney”, o programa relembra a trajetória do político, sempre com os verbos no passado. Entre os trechos, há passagens sobre o regime militar, a ligação de Sarney com as artes – “Ele era membro da Academia Brasileira de Letras desde 1980” -, a primeira vez que ocupou a presidência do Senado e a crise que atingiu a Casa.

O programa começa lembrando que a Presidência da República foi o ponto alto da carreira de Sarney e chega a listar os planos econômicos fracassados naquele período. O material mistura depoimentos de figuras públicas, entre elas, o ex-presidente Tancredo Neves, já falecido, entrevistas e discursos do maranhense.

De acordo com a Secretaria Especial de Comunicação do Senado, a rádio não tem um obituário, mas uma “biografia” de Sarney, da mesma maneira como tem prontas as biografias dos outros 80 senadores. Sobre os verbos no passado, a secretaria diz que pode ter havido “erro verbal”.

O PAPA NO BANCO DOS RÉUS


Dois advogados alemães iniciaram as acusações contra o Papa Bento XVI no Tribunal Penal Internacional, alegando crimes contra a humanidade.

Christian Sailer e Gert-Joachim Hetzel, que atuam em Marktheidenfeld, estado onde se situa a casa do Papa na Baviera, apresentaram na semana passada um documento de 16.500 palavras ao procurador do Tribunal Penal Internacional em Haia, Luis Moreno Ocampo.

A acusação: “três crimes em todo o mundo que até agora não foram denunciados. . . (Os) da reverência tradicional para a “autoridade eclesiástica” tem obscurecido o sentido do “certo e errado”.

Eles reclamam que o Papa “é responsável pela preservação e liderança de um regime totalitário em todo o mundo de coerção que subjuga os seus membros com ameaças terríveis e nocivas para a saúde”.

Alegam que ele também é responsável pela “adesão a uma proibição fatal do uso do preservativo, mesmo quando o perigo de infecção pelo HIV-Aids existe” e para “o estabelecimento e a manutenção de um sistema mundial de acobertamento dos crimes sexuais cometidos por padres católicos e seu tratamento preferencial, o que ajuda e cumplicia sempre novos crimes”.

Eles afirmam que a Igreja Católica “adquire seus membros através de um ato compulsório, ou seja, através do batismo de crianças que ainda não têm uma vontade própria”. Este ato era “irrevogável” e é apoiado por ameaças de excomunhão e do fogo do inferno.

Isso significa “um grave comprometimento da liberdade pessoal de desenvolvimento e de integridade mental e emocional de uma pessoa”. O Papa foi “responsável pela sua preservação e aplicação da lei e – como prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé da sua Igreja, ele foi co-responsável” com o Papa João Paulo II.

Católicos “ameaçados pelo HIV-AIDS. . . se deparam com uma terrível alternativa: se eles se protegem com o preservativo durante a relação sexual, tornam-se graves pecadores; se não se protegem, por medo do castigo do pecado ameaçado pela igreja, tornam-se candidatos à morte “.

Havia também uma “forte suspeita de que Joseph Ratzinger, como prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé da sua igreja e como Papa, tem até os dias atuais sistematicamente acobertado o abuso sexual de crianças e jovens e protegido os autores, assim, a cumplicidade gera mais violência sexual para jovens “.

IRISHTIMES

FOTOGRAFIA


Fotos retocadas


Quem pensar que só depois do surgimento do Photoshop é que as fotografias começaram a ser retocadas, engana-se. Há muito tempo usa-se esse processo para se alterar algumas delas.

O site Dartmouth reuniu documentos fotográficos que considero históricos, principalmente, porque se estende de um longo período: são imagens de 1800 até este ano 2011. Selecionei aqui dez exemplos.

A fotografia perdeu sua inocência há muitos anos. Somente algumas décadas depois de Niepce criar a primeira fotografia em 1814, elas já estavam sendo manipuladas. Com o advento das câmeras de alta resolução digital, computadores pessoais e poderoso software de edição de fotos sofisticadas, a manipulação das fotos está cada vez mais comum. Aqui, alguns exemplos de manipulação de fotografias ao longo da história. Para ajudar a lidar com as implicações dessa alteração, temos desenvolvido uma série de ferramentas para detectar vestígios de adulteração de fotos.”

1. Cerca de 1860: Este retrato em pose icônica (na forma de uma litografia) do presidente dos Estados Unidos, Abraham Lincoln é um composto de cabeça de Lincoln e do corpo do político do sul John Calhoun.

2. Por volta de 1930: Stalin rotineiramente eliminava os seus inimigos fora de fotografias. Nesta, pelo menos, um comissário foi retirado da foto original depois de cair em desgraça com o regime stalinista.

3. 1937: Nesta fotografia adulterada, Adolf Hitler, Joseph Goebbels (o segundo da direita), retirado do original fotografia. Ainda não está claro por que exatamente Goebbels caiu em desgraça com Hitler.

4. 1968: Quando em 1968, Fidel Castro aprova a intervenção soviética na Tchecoslováquia, Carlos Franqui (meio) corta relações com o regime. Sua imagem foi retirada de fotografias.


5. Setembro 1971: O chanceler da Alemanha Ocidental, Willy Brandt reúne-se com Leonid Brejnev (à direita). O fumo e a bebida estão na imagem e a atmosfera é de que eles estejam bêbados. A imprensa alemã publicou a foto, mas soviética retirou as garrafas da foto original.

6. Fevereiro de 1982: Nesta reportagem de capa da National Geographic, sobre o Egito, a Grande Pirâmide de Gizé mudou-se para encaixar o formato vertical da revista. Tom Kennedy, que se tornou o diretor de fotografia do NG declarou que “nós não usamos essa técnica para manipular elementos em uma foto apenas para conseguir um efeito gráfico mais atraente. Consideramos esse um erro, mas nós não repetiríamos esse erro hoje “.

7. 1989: A capa da TV Guide apresentou essa imagem da Oprah Winfrey. Esta foto foi criada emendando a cabeça de Oprah sobre o corpo da atriz Ann-Margret, tirado de uma foto publicitária de 1979. O composto foi criado sem a permissão de Winfrey ou Ann-Margret, e foi detectada pela estilista de Ann-Margret que reconheceu o vestido.

8. .Janeiro de 2003: A cópia original da capa do álbum Abbey Road dos Beatles mostra Paul McCartney segurando um cigarro. O cartaz foi usado por empresas do EUA, mas retocada para eliminar o cigarro da mão de McCartney. Essa alteração foi feita sem a permissão dele ou da Apple Records, que detém os direitos sobre a imagem. “Nós nunca concordamos” disse um porta-voz da Apple. “Eles não deveriam ter feito isso; mas não há muito o que possamos fazer agora.”

9. Março de 2007: Esta imagem do ex-presidente dos EUA, Ronald Reagan, apareceu na capa da Time Magazine, sob a manchete “Como a Direita Fez Errado”. A imagem foi adulterada para incluir uma lágrima no rosto de Reagan. Em comunicado, a Time creditou o nome do fotógrafo e o do ilustrador da lágrima de Reagan.

10 de Junho de 2010: Esta capa da The Economist mostra um solitário presidente Obama na praia de Louisiana inspecionando o derramamento de óleo. A foto original, feita por Larry Downing, da Reuters, tinha ainda o almirante da Guarda-Costeira e a porta-voz do presidente, Thad W. Allen e Charlotte Randolph, que sumiram.

VIDE VÍDEO


A verdadeira identidade dos reis magos

‘El Jueves’ é uma publicação no estilo da antiga Bundas, que Ziraldo dirigiu por um bom tempo, na tentativa de ressuscitar o sucesso de O Pasquim. Inteligente, criativa e irreverente, a revista no entanto faliu. Na Espanha, uma sucedânea dela surge com propósito de servir de ponte de reflexões sobre a cidade moderna, sua política e sua gente.

Hoje, eles publicam um vídeo onde ‘armam’ uma explicação sobre os Reis Magos, que o mundo cristão celebra na passagem de hoje para amanhã com festas e reizados de porta em porta. Nele, uma menina de nome Betriz Cobalengo, da cidade de Albacete, fala sobre a autêntica de identidade dos tres reis.

Ah! É para rir e não para acreditar…

http://www.eljueves.es/mp/453FF62B5719750209003CD40E08ACCF.swf

RETROSPECTIVA 2010


Os fatos irrelevantes

Tanta notícia e, na hora de selecionar os acontecimentos do ano, as retrospectivas são todas iguais: um rosário de lambanças, atos de heroísmo, catástrofes, micos e milagres de grande repercussão na opinião pública. Matem-se aqui, a seguir, a tradição de fugir à regra com uma coleção de fatos irrelevantes que marcaram 2010:

* O Conar fez o Brasil ficar solidário a Paris Hilton;

* A prisão de José Roberto Arruda virou uma espécie de musa do verão;

* Acabou a sustentabilidade do casamento de Al Gore;

* Martinho da Vila foi derrotado nas eleições para a imortalidade na Academia Brasileira de Letras;

* Faltou xampu em Caracas;

* O presidente sul-africano Jacob Zuma admitiu ter pulado a cerca da poligamia;

* Jânio Quadros Neto e a Rainha Elizabeth encontraram-se em Londres;

* O buldogue da ex-namorada da atriz Lindsay Lohan, a DJ Samantha Ronson, atacou e matou outro cão em Hollywood;

* Teve greve na USP;

* O Brasil apresentou a pole dance a Silvio Berlusconi;

* Boris Casoy admitiu: “Errei, falei bobagem”;
.
* A oposição comemorou o fim do namoro dos deputados Manuela D’Ávila e José Eduardo Cardozo;

* O que mais impressionou na visita de Dalai Lama à Casa Branca foram as sandálias tipo Havaianas no frio de Washington;

* O cinquentenário de Brasília foi a pior festa do ano;

* Eduardo Suplicy entregou a Hillary Clinton seu programa de renda mínima;

* Ronaldo Fenômeno e o Imperador Adriano fizeram, juntos, menos gols que o Obina.

* Lula revelou ser portador do vírus da paz “desde o útero da minha mamãe”;

* Em visita ao Haiti, George Bush limpou a mão na camisa de Bill Clinton;

* Direitos humanos: o ministro Paulo Vannuchi foi flagrado às vésperas da licitação de uma cama para seu gabinete;

* Marília Gabriela voltou diferente do aniversário de Paulo Coelho na Abadia de Melk, na Áustria;

* Gilmar Mendes citou Edith Piaf cinco vezes depois que deixou a presidência do STF;

* O ator Nicholas Cage decidiu só comer animais que fazem “sexo digno”;

* O preconceito caiu em descrédito depois que a imprensa americana chamou a nova Miss EUA, uma libanesa naturalizada, de terrorista e prostituta.

* Ciro Gomes passou o ano fingindo que estava interessado na briga política;

* A Secretaria de Saúde de SP distribuiu 16 mil sachês de gel lubrificante na Parada Gay.

* Barack Obama procurou, mas não encontrou um traseiro pra chutar;

* José Serra ficou preso com Geraldo Alckmin no elevador do Hospital das Clínicas;

* Maradona não precisou ficar nu no obelisco;

* As louras, mais uma vez, tiveram seus direitos ignorados no Estatuto da Igualdade Racial aprovado pelo Senado.

* Latino cantou Ilariê na festa do Dia dos Namorados na mansão de Lucília Diniz, no Jardim Europa;

* Muito antes do WikiLeaks, uma reportagem da Rolling Stone derrubou o comandante militar dos EUA no Afeganistão;

* O ecoterrorismo incendiou oito Land Rover no pátio de uma concessionária de carros em São Paulo;

* Emerson Fittipaldi foi pai pela sétima vez;

* O cantor Rick Martin teve uma crise de riso ao saber que o príncipe Albert, de Mônaco, ia se casar;

* Foi parar na capa de revistas masculinas a espiã que o FBI deportou de Nova York;

* Lula escreveu de próprio punho o prefácio do livro de Aloizio Mercadante;

* A crise na aviação revelou no noticiário um tipo de aeromoça que aproveitava o sono dos passageiros para roubá-los;

* Fidel Castro brigou com seus patrocinadores de marcas esportivas e voltou a usar trajes civis;

* Teresa Otília, irmã de Marisa Letícia, declarou voto em José Serra;

* Para decepção dos franceses, não rolou nada entre Carla Bruni e Woody Allen;

* Nicolas Sarkozy também decepcionou, levando um por fora da bilionária da L’Oreal;

* Não vingou o suposto filho de Michael Jackson com a irmã da Diana Rossi;

* Rubinho ultrapassou Schumacher;

* Chegou ao comércio de calçada uma versão pirata do remedinho que Plínio de Arruda Sampaio tomava para ir aos debates na TV;

* No Rio, uma passeata de humoristas superou a Marcha da Maconha em número de participantes;

* Antonio Palocci ganhou duas noites de hospedagem no Hotel Hyatt de Buenos Aires numa rifa beneficente em SP;

* Deu na revista Science: “A Lua está encolhendo como uma maçã velha e murcha.”

* Washington Olivetto virou cidadão carioca antes de Muricy Ramalho;

* O primeiro beijo gay da televisão aberta no Brasil foi protagonizado por dois rapazes no programa do PSOL no Horário Eleitoral Gratuito;

* Violaram o sigilo fiscal até da Ana Maria Braga;

* Pai de Michael Jackson comeu rabada com ovo de codorna no Pelourinho;

* Apareceu um Amaury Junior pior que o outro;

* A japonesa Chizuko Kuwamoto venceu o Campeonato Mundial de Tango;

* O bilionário Eike Batista deixou de ser careca e pegou Joana Machado, a ex-noiva loura de Adriano, para personal trainer;

* Vera Fischer escreveu 10 romances em 1 ano;

* Neymar quase vira um monstro;

* A liberdade de expressão ganhou a adesão de toda espécie de cretino;

* De inédito, 2010 produziu uma superbactéria resistente a quase todos os antibióticos;

* Cientistas descobriram, entre outras coisas, um dinossauro com 15 chifres;

* 11 emas foram degoladas no Zôo Safári de SP;

* O Rolling Stones Ron Woods largou a droga da namorada;

* Marina Silva introduziu na política o conceito dos “núcleos vivos da sociedade”;

* Jamais haverá outra mulher como Weslian;

* Nem outro palhaço como Tiririca;

* A Suécia ficou devendo uma explicação sobre que diabos é “estupro leve”.

Texto de Tutty Vasques/Estadão

IDÉIAS


Jornal compra direito do “hashtag” das eleições

O Washington Post provou uma nova fórmula para cobrir as últimas eleições nos EUA. O jornal comprou o hashtag ‘#election’ como tema patrocinado em todo o mundo. Desta forma, a etiqueta #election aparecia nos perfis de todos os usuários do Twitter e o Post assegurou assim todo tuiteiro que buscasse informação sobre eleições teria que cair diretamente na págna do jornal.

Grande jogada!

ONDE LI

Navegação de Posts